O planejamento de marketing é uma ferramenta essencial para a captação de clientes e divulgação, não apenas na hora da abertura, mas durante toda a vida do estúdio de pilates. No entanto, ele precisa ser feito tendo como base os parâmetros dos próprios clientes, não apenas dos donos.

O problema é que muita gente acaba montando sua estratégia em cima do que acha que deve ser, não exatamente baseada no que os clientes querem e precisam – e muitas vezes essas duas posições são completamente diferentes, quando não antagônicas.

O resultado acaba sendo uma campanha que não alcança os objetivos, ou que até alcança, mas não atrai o público. Por quê? Simples: uma campanha de marketing pode ter todas as ações muito bem feitas e planejadas, mas se estiverem voltadas para o foco errado, ela continuará sendo insatisfatória.

Por isso, vale a pena prestar atenção nestes 7 principais erros de marketing cometidos por estúdios de pilates – e, se for necessário, fazer alguns ajustes para pegar a rota certa para o sucesso.

1. O marketing vai suprir a deficiência do serviço

Isso não existe. As ações até podem, ocasionalmente e de forma temporária, suprir alguma falha, mas ela deverá ser corrigida o mais rapidamente possível.

Por isso, a qualidade dos serviços prestados, a constante atualização da qualificação do profissional, dos métodos, exercícios e tendências, são essenciais para tornar um estúdio competitivo no mercado, driblando e ultrapassando a concorrência.

2. Não conhecer a fundo o público-alvo

Não basta abrir um estúdio muito bem equipado e decorado para a classe A, B ou C: é preciso conhecer seu público-alvo o máximo possível.

Quem ele é? O que ele faz? Onde ele mora? Tem filhos, amigos, gosta de sair, jantar fora, ir a baladas? Quais são os seus principais interesses? Música, teatro, televisão? Frequenta academia, salão de beleza?  Qual a sua faixa etária? Como ele chega ao estúdio – de carro ou transporte público?

Essas informações direcionarão as suas ações de marketing, como promoções para academias e cursos, sorteio de entradas de teatro, criação de conteúdo relevante e original em newsletters, blogs e redes sociais.

Você pode, inclusive, procurar um convênio para fornecer desconto no pagamento do estacionamento mais próximo.

3. Manter o foco apenas no estúdio

Esse é um erro grave, fazer um planejamento de marketing focado no estúdio. Montar a decoração que você gosta, escolher um lugar de fácil acesso para você, horários de aulas que se encaixam no seu cronograma, equipamentos com os quais você gosta de trabalhar.

Espere, você está na contramão! O foco deve estar no seu cliente – e por isso é preciso conhecer seu público-alvo a fundo.

A estratégia deve ser voltada para o que ele precisa, como equipamentos (qual o motivo que o leva a fazer pilates? Estético, lazer, fisioterápico?), horário das aulas (a maioria usa a hora do almoço, faz depois da faculdade, gosta de começar cedinho o dia?), acesso aos meios de transporte (há fartura de linhas próximas?).

4. Confiar demais na intuição para montar as ações de marketing

Tudo bem, todo mundo deve dar ouvidos à intuição, esse é um exercício bem legal de autoconhecimento. Mas cuidado, ele também pode levar o seu estúdio de pilates à ruína. Sim, porque a menos que você seja também um profissional da área que esteja sempre se atualizando, esse pode ser um terreno perigoso.

Por isso, se não quer usar parte da verba para contratar uma agência ou um profissional qualificado, procure ler bastante sobre o assunto, em livros, sites e blogs especializados.

Faça cursos, consulte especialistas. Mas tenha foco, não saia fazendo tudo o que vê pela frente, nem de qualquer maneira. E lembre-se de que, na maioria das vezes, o barato sai caro.

5. Atirar para todo lado

Pois é, esse costuma ser um problema sério de quem monta uma estratégia de marketing mal feita ou baseada apenas na intuição. Lembre-se de que o marketing é um conjunto de processos, mas eles obedecem a uma certa ordem para a construção de um relacionamento com o cliente.

É preciso fazer uma medição de cada ação para escolher qual a melhor estratégia, de acordo com os resultados. Redes sociais? E-mail marketing? Promoções? Blogs e newsletters? Outdoors?

Será que é mesmo preciso fazer tudo ao mesmo tempo ou daria mais resultado fazer um revezamento de acordo com a resposta do mercado?

6. Achar que eventos são uma bobagem

A integração com seus alunos é um ponto fundamental de fidelização e captação de clientes. É a partir da “intimidade” que você tem com eles e que eles têm entre si, que partem indicações de seu estúdio para amigos, familiares, etc.

A organização de alguns eventos é uma forma bastante simpática de agregar aos participantes, criar e reforçar vínculos diretos com os seus alunos.

7. Não dar a devida atenção ao site

Você já parou para pensar que em um país em que há mais de 107 milhões de internautas, muitas pessoas usam a internet para procurar um estúdio de pilates perto de casa? Que seus alunos podem utilizar o seu site como referência para dados sobre a saúde, dicas de comportamento, de moda, receitas e toques sobre a correção postural? Que eles podem indicá-lo para amigos como fonte de pesquisa para trabalhos escolares ou simplesmente curiosidades? Que o seu site pode aparecer nos primeiros resultados de pesquisa do Google, ajudando a divulgar a sua marca, dando mais prestígio para o estúdio e reforçando a sua imagem no mercado?

Já pensou também que nada disso vai acontecer se você não mantiver o site sempre atualizado, com conteúdo original e relevante? O problema é que muitos donos acham que, como seus estúdios estão com um bom numero de alunos, não precisam mais se preocupar com o site – ou não têm tempo para ele. Engano sério, que pode acabar fazendo você perder a corrida nesse mercado tão competitivo.

Procure manter sempre a qualidade do seu estúdio, com bons equipamentos, professores capacitados e atualizados, mas abra também os olhos para uma estratégia de marketing correta.

Assim, você estará abraçando todos os aspectos do sucesso, ganhando e fidelizando alunos e consolidando seu nome no mercado.

Leia maisLeia mais
– Estúdios de pilates em redes sociais: coisas que você erra e nem sabe
– 4 ações de marketing com custo zero para o seu studio de pilates

De que modo as estratégias de marketing têm sido eficientes para ampliar a sua clientela? Compartilhe a sua experiência conosco no espaço abaixo!

Newsletter

Receba nossas novidades

Cadastre-se e receba em seu e-mail as atualizações da Kauffer.