Todo mundo sabe que atualmente o pilates é considerado uma das melhores práticas para manter a forma, corrigir a postura, promover a reabilitação física, além de proporcionar diversos benefícios para a saúde. Mas você já parou para se perguntar como surgiu e qual a história do pilates?

Para entendermos como o pilates surgiu, temos que conhecer um pouco sobre a história de seu criador – Joseph Pilates. Acompanhe os detalhes a seguir e veja como inspirar seus alunos com esta história.

Quem foi Joseph Pilates?

Joseph Pilates nasceu na Alemanha em 1883. Seu pai era um ginasta de descendência grega e sua mãe era uma naturapeuta que acreditava nos estímulos do corpo como forma de autocura, sem a necessidade de medicamentos ou cirurgias.

Tanto a filosofia da mãe quanto as conquistas do pai foram grandes influências para que Pilates criasse os exercícios terapêuticos.

pilates-historia

Na infância, Joseph Pilates foi uma criança doente que sofreu de asma, raquitismo e febre reumática. Assim, com o passar do tempo, ele decidiu superar as desvantagens físicas. Para mudar sua vida ele passou a focar em técnicas respiratórias, o que ajudava com a asma.

Além disso, ao se exercitar ao ar livre de calção ele pode curar seu raquitismo, que basicamente é causado por uma deficiência de vitamina D (muito presente na luz solar). Sua evolução foi tão satisfatória que aos 14 anos ele já realizava ensaios fotográficos para gráficos de anatomia humana.

Joseph Pilates adorava esquiar e estar ao ar livre. Ele procurou estudar musculação, artes marciais, ginástica e ioga, que também lhe influenciaram ainda mais ao longo de sua vida para a criação do método pilates.

Primeiras aparições do método

Em 1912 Joseph Pilates se mudou para a Inglaterra, onde trabalhou como artista de circo, boxeador profissional e treinador de defesa pessoal da Scotland Yard. No entanto, durante a Primeira Guerra Mundial ele foi preso junto com outros cidadãos alemães pelas autoridades britânicas.

As condições no local onde Pilates ficou preso eram precárias. No entanto, ele ainda insistia para que todos os membros do seu pavilhão participassem das atividades físicas que ele criou com o objetivo de manter o bem-estar físico e mental.

Naquela época, Pilates presenciou alguns soldados alemães feridos que estavam de cama. Insatisfeito em ver seus companheiros inativos, Pilates ele retirou algumas molas das camas e as prendeu nas cabeceiras, de modo a criar um equipamento improvisado para fornecedor exercícios de resistência muscular aos acamados.

Essas camas com molas seriam mais tarde transformadas em equipamentos muito conhecidos dentro do método, como é o caso do Cadillac e o Reformer.

Criação e história do Pilates

Após a Guerra, Pilates voltou à Alemanha e atuou na área de dança, além de ajudar a treinar policiais. Ele também foi pressionado a treinar membros do exército alemão, contudo, acabou se decepcionando com as políticas do seu país, o que o levou a migrar para os Estados Unidos.

Durante a viagem Joseph Pilates conheceu Clara, que mais tarde se tornaria sua esposa. O casal criou um estúdio em Nova Iorque e passaram a ensinar e supervisionar seus alunos até a década de 60.

joseph-pilates-historia-do-pilates

Expansão do método

O estúdio de Joseph Pilates estava próximo a diversos estúdios de dança, propiciando que membros conceituados da área de dança o descobrisse. Com o passar do tempo, muitos dançarinos, atores e famosos passaram a frequentar o estúdio de Pilates para o desenvolvimento de força, graça e até mesmo reabilitação.

Pilates escreveu dois livros: Your Health, em 1934, e Return to Life Through Contrology, em 1945, além de ter criado diversos dos aparelhos utilizados até hoje dentro do método pilates como o Reformer, Cadillac, Ladder Barrel, entre outros.

Em 1967 ele faleceu aos 83 anos de idade em Nova Iorque. E apesar de não ter tido filhos, seu legado foi passado por seus discípulos.

Hoje, graças a todo esforço e perseverança de Joseph Pilates, é possível contar com uma modalidade de exercícios capaz de beneficiar todos os tipos de pessoas, possibilitando a conquista do bem-estar não só físico, mas também mental.

Leia maisLeia mais
– Por que praticar a contrologia?
– Origens do pilates

Gostou do post? Agora quando seus alunos perguntarem, você saberá responder facilmente sobre como o Pilates foi criado!

Newsletter

Receba nossas novidades

Cadastre-se e receba em seu e-mail as atualizações da Kauffer.